Ômega 3-6-9 180 cápsulas Ômega 3-6-9 180 cápsulas

Ômega 3-6-9 180 cápsulas

Comprimidos
Prevenção de Doenças Cardiovasculares
  • R$ 145,00 R$399,00
  • 10x de 14,50 sem juros
  • R$137,75 no boleto bancário
- +
  • Descrição


Ômega 3-6-9


Ômega 3-6-9 é um suplemento composto pela combinação de: óleo de peixe, óleo de borragem e óleo de sementes de linhaça que são ricos em ácidos graxos essenciais.

O Óleo de Peixe, é rico em Ômega 3, sendo importante na prevenção de doenças cardiovasculares e combate doenças relacionados a baixo nível de ácido graxo no organismo, como depressão, acne e dermatite atópica.

O Óleo de Linhaça é rico em Ômega 6, Ácido Alfa-Linolênico (precursor de Ômega 3) e Liganas. O Ômega 6 e o ALA desempenham função anti-inflamatória em nosso organismo. Já as liganas, diminuem os sintomas da menopausa por atuar de forma semelhante ao estrógeno e também tem ação protetora cardíaca.

O Óleo de Borragem é rico em Ômega 9, importante na função anti-inflamatória.

 
Ingredientes


Ácido eicosapentaenóico (EPA) 160mg, Ácido docosaexaenóico (DHA) 100mg e Proteínas 0,4g.


Não contém glúten.

Recomendações de uso

Ingerir 2 cápsulas ao dia.

Cuidados de Conservação

Conservar ao abrigo da luz, calor e umidade. Esta embalagem foi selada para sua proteção. Não utilize o produto em caso de violação. Consumir este produto conforme a recomendação de ingestão diária constante na embalagem.


Produto dispensado de registro na ANVISA conforme a RDC 240/2018.

Avaliações

(8 comentários)

Produtos relacionados

Dicas de Saúde

O que é ômega 3-6-9?

Provavelmente você já deve ter ouvido falar do ômega 3, ômega 6 e ômega 9 e questionou para que serve e se realmente traz benefícios para a saúde, não é mesmo?

Várias pesquisas vêm sendo realizadas e destacadas acerca da importância dos ácidos graxos ômega 3, ômega 6, e ômega 9 para a saúde dos seres humanos, no decorrer das últimas décadas. Para o bom desenvolvimento do organismo estes são essenciais. O ômega 3 e ômega 6 não são produzidos pelo nosso organismo, e por este motivo, precisamos ingeri-los através de alimentos que sejam ricos destes nutrientes. Dentre eles o único que pode ser produzido pelo organismo é o ômega 9, contudo, para que isso aconteça, é necessário que os ácidos graxos ômega 3 e ômega 6 estejam presentes no organismo.

Por possuir sua primeira ligação no carbono 3 a partir do radical metil do ácido graxo, o ômega 3 é assim chamado. Um exemplo que podemos citar é a linhaça, excelente fonte de ômega 3. O DHA e o EPA, estes dois presentes nos óleos de peixes estão dentre os que são mais pesquisados e que agregam melhores benefícios a saúde. O DHA e o EPA são capazes de ajudar no controle de colesterol e triglicerídeos, conter reações inflamatórias do organismo, podendo ser coadjuvante no tratamento de doenças do coração, psoríase, artrite, dentre outros vários benefícios. Vem sido relacionado com melhoras de ansiedade, depressão, mal de Alzheimer, TDHA (transtorno do déficit de atenção e hiperatividade) o DHA.

Podemos encontrar o ômega 3, contudo, não significa que somente comer aqueles alimentos citados diariamente é a solução para todos os problemas, mas é um nutriente essencial e deve ser obtido através da alimentação ou suplementação. Quanto a origem e a quantidade de EPA e DHA, a pureza e a qualidade dos suplementos deste tipo delicado de óleo nutritivo é preciso estar muito atento. Precisa ser feito de modo muito cuidadoso o processo de extração do óleo e encapsulado em conjunto com substâncias antioxidantes naturais, como a vitamina E.

Tipos de ômega 6

São ingeridos através da dieta a maioria dos ômegas 6, encontrados em óleos vegetais, neles estão presente o ácido linoléico, convertido no organismo em outro ácido graxo da família do ômega 6, que é chamado ácido gama linoleico, que depois é transformado no organismo em ácido graxo araquidônico. O ômega 6 em excesso no organismo pode fazer mal, portanto ele deve estar em quantidades adequadas.

Uma vez que o organismo necessita deste ácido graxo para trabalhar corretamente o ômega 6 oferece diversos benefícios à saúde.

Como ocorre a obtenção e a aplicação do ômega 9

O ômega 9 é um ácido carboxílico. O ácido oleico é um ácido graxo essencial, pois participa do metabolismo, desempenhando um papel fundamental na síntese hormonal, ele está presente no azeite (óleo de oliva) e sua concentração neste ultrapassa 70%, também no óleo de sementes de uva, óleo de gergelim, óleo de canola, óleo de girassol, óleo de palma e em animais marinhos como bacalhau e tubarão por exemplo.

O ômega 9 é um ácido graxo monoinsaturado, e está diretamente relacionado a níveis de triglicerídeos melhorados e mais saudáveis, além de auxiliar na diminuição dos níveis de colesterol total sanguíneo, LDL (colesterol ruim) e, ainda, aumentar o HDL (colesterol bom). Essa gordura está presente na azeitona, oleaginosas (castanha do para, castanha de caju, amêndoas) azeite de oliva, óleo de canola e abacate. Esse efeito se deve ao seu bom conteúdo de fitoesteróis, substâncias que auxiliam na eliminação do colesterol e, também, na diminuição da circunferência abdominal. Tem um alto poder anti-inflamatório, combatendo os radicais livres, prevenindo o câncer e o envelhecimento. Além disso, alimentos fonte desse ômega, têm sido estudados e apontados para impedirem o acúmulo de gordura na região do abdômen. Estudiosos dizem que isso ocorre divido ao fato que ele impede que as células de gordura se inchem, além de auxiliar e impulsionar a queima da gordura corporal, a utilizando como fonte de energia.

Quem pode tomar?

Não existe contraindicação para o uso de ômega 3, ômega 6 e ômega 9.